A diferença entre ingênuo e profissional - Blog CMMI & MPS.Br

A diferença entre ingênuo e profissional

By on March 18, 2012

O fazendeiro ingênuo cuida da sua fazenda da mesma forma que seus pais, avós e bisavós faziam. Ele planta, torce pelo sucesso e colhe. Tudo que vier é resultado da vontade dos deuses.

O fazendeiro profissional mede. Ele testa, entende como as coisas funcionam e está sempre testando coisas novas para melhorar seu processo. Quando a falha acontece, ele não descansa até entender o porquê.

Eu não gosto da palavra amador, porque não é uma questão de dinheiro. O fazendeiro ingênuo está falhando ao não assumir a responsabilidade e aprender com os erros. O corredor ingênuo simplesmente coloca um tênis e vai correr (mas não termina). O corredor profissional treina.

O trabalhador de escritório ingênuo simplesmente esvazia sua caixa de e-mail. O profissional trabalha para entender como o escritório funciona.

Normalmente, o profissional pergunta: O que vem agora? Como melhorar? Isso vale a pena? Por que isso está acontecendo?

[Por sinal, é possível ser ingênuo e feliz. O que é difícil é ser ingênuo e produtivo]

Acompanhando algumas empresas bem pequenas, ficou claro que o maior desafio é transformar o ingênuo em profissional. Uma vez que você abre essa porta, tantas coisas começam a fazer sentido.

Antes de vender um serviço, produto ou ideia para o ingênuo, você precisa convencê-los a ser profissionais.

[Seth Godin]

About Autor Externo

Artigo de fonte externa

One Comment

  1. Fletcher Goring

    April 16, 2017 at 5:36 pm

    Awesome article post.Much thanks again. Much obliged.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.