Facebook no trabalho: Ajuda ou atrapalha? - Blog CMMI & MPS.Br

Facebook no trabalho: Ajuda ou atrapalha?

By on October 14, 2012

A utilização de redes sociais como Facebook, Twitter e outras comunidades no ambiente de trabalho aumenta na mesma velocidade em que estas redes ampliam as suas formas de comunicação e disponibilizam ferramentas que aproximam pessoas aos familiares e amigos, e clientes às empresas. Este fenômeno está sendo motivo de demissões por justa causa, principalmente quando o seguimento de uma boa conduta profissional ou bom senso são esquecidos.

No entanto, alguns estudos comprovam que utilizar o Facebook no trabalho pode ser benéfico tanto para o colaborador quanto para a empresa. Muitas empresas ao redor do mundo começaram a perceber que permitir que seus funcionários usem o Facebook no trabalho não é de todo um desperdício de tempo que interfere na produtividade de forma negativa.

Estas empresas reconhecem quais são os funcionários que trabalham muito todo o dia e que ainda assim mantém disposição para levar o trabalho para casa e continuá-lo a partir de lá. Por isso, permitir que tais colaboradores tenham acesso ao Facebook no trabalho é uma possibilidade de motivá-los e fazê-los trabalhar com mais empenho e concentrados.

O impacto do uso do Facebook no trabalho

Um artigo publicado pela Computerworld, uma das principais fontes de notícias de tecnologia e informação de TI para todo o mundo, afirma que muitos gerentes de TI acreditam que utilizar o Facebook no trabalho pode deixar os funcionários mais felizes. De acordo com o analista Dan Olds, da Gabriel Consulting Group, revelou que é benéfico que os funcionários possam fazer pausas para acessar as redes sociais, inclusive twitter ou Facebook no trabalho, e assim ver o que está acontecendo com os seus familiares e amigos e com o mundo. Isto oferece uma “fuga” às atividades de trabalho que permite que as pessoa se se conectem com a realidade e voltem a trabalhar muito mais concentrados e motivados.

A Gartner, uma empresa de consultoria, revelou um estudo que mostrou que em 2010, metade das grandes organizações mundiais bloquearam os portais das redes sociais. No entanto, em 2014, esse número deverá baixar para apenas 30 %. Este estudo mostra que as empresas estão eliminando as restrições às redes sociais pois perceberam os benefícios do uso de redes como twitter ou facebook no trabalho.

O facebook no trabalho pode ser encarado como um benefício?

Outro benefício que as empresas também começaram a perceber é que os funcionários que participam nas redes sociais fazem continuamente julgamentos sobre o grau de confiança que devem ter no portal ou em seus membros e assim ajustar a estrutura, o conteúdo e o vocabulário para não correr nenhum risco de se expor demasiado ou de revelar informações sobre a empresa. Isto é um fator favorável que vai ao encontro da gestão de risco que cada empresa deve levar em consideração.

A desvantagem do uso do Facebook no trabalho passa pelo fato da falta de percepção e uso abusivo por determinados colaboradores que com isso, perde-se produtividade e não gera valor a empresa.

Em resumo, ter acesso ao Facebook no trabalho pode aumentar a produtividade uma vez que a utilização das mídias sociais tornam as pessoas mais felizes e mais conectadas. Uma solução a um determinado problema pode ser resolvido rapidamente por um amigo conectado. No entanto, o uso deve ser consciente. É uma linha muito tênue que separa o bom uso do uso abusivo do facebook no trabalho e as redes sociais em si. Mas, como tudo, é uma questão de confiança e cada empresa deve analisar e definir o que é melhor para ela.

Para usar o Facebook no trabalho é preciso acima de tudo bom senso.

About Autor Externo

Artigo de fonte externa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *